As maiores Lagoas de Florianópolis: Lagoa da Conceição e a Lagoa do Peri




Existe uma lenda antiga sobre a formação das maiores e mais belas Lagoas da região.


A história fala sobre uma família que veio colonizar Desterro (antigo nome de Florianópolis), um pai, uma mãe e filha, uma linda menina chamada Conceição.


A Conceição gostava de passear pelas áreas verdes do entorno da sua casa.

Um dia, em um dos seus passeios Conceição conheceu Peri, um indígena Carijó que não apenas apresentou os encantos da ilha mas fez seus olhos brilharem e seu coração vibrar de amor. Depois de vários passeios e muita desconfiança dos pais de Conceição, seu pai decide segui-la pelas matas e encontra Conceição passeando de mãos dadas com Peri.


Os dois homens brigaram, o pai de Conceição saca uma arma de fogo e mata Peri. Peri começa a sangrar, seu sangue se mistura com um córrego e logo forma uma poça. Uma poça tão grande que surge a Lagoa do Peri, uma Lagoa com águas escuras e quentinhas como o sangue de Peri.


Já Conceição foge em direção a sua casa chorando.

Chora tanto pela perda do seu grande amor que suas lágrimas formam uma grande poça constituindo a Lagoa da Conceição, que tem águas mais claras e é salgada como as lágrimas de Conceição.